A Procissão de Senhora Aparecida

joão.carvalho@aparecida.pt

Por volta das 18h do dia 14 de Agosto tudo está preparado para a saída da procissão de Nossa Senhora Aparecida pelas ruas da Terra. Os andores já estão ornamentados com as mais belas flores oferecidas ao santo da sua devoção que será transportado em cada um dos andores. O andor maior está prestes a ser levantado e transportado por cerca de 80 homens que esquecendo o peso que transportarão nos seus ombros, caminham passo a passo pelo percurso há muito tempo traçado.

Abrindo o caminho por entre milhares de romeiros, seguem em frente à procissão, os cavalos montados à antiga, que são perseguidos pelos bombos, que marcam o compasso para todo este acontecimento. As Cruzes e Bandeiras das Freguesias de Aparecida, Aião e Cernadelo seguem em seguida. Os muitos figurantes devidamente trajados seguem a seguir transportando as quadras e informações relativas a cada andor. O pálio com o Santissimo seguirá no fim da procissão logo seguido das bandas de música.

No final da mesma, centenas de pessoas acompanham a procissão como sinal de agradecimento à Senhora Aparecida pelas suas graças, transportando assim também elas o espirito do Ermitão, que pelos caminhos de Aparecida e arredores transportava consigo esta pequena imagem em sinal da sua grande fé à Nossa Senhora. A mesma Fé que está presente em cada um dos rostos dos participantes desta majestosa procissão.